/// NASCIMENTO e MORTE ///

                                                                                       O nascimento na carne> é o princípio das dores, por ainda, estarmos sob o jugo da ignorância da ilusão humana, e, por acreditarmos na MORTE.

Diante disso, sofremos – com doenças, tristezas, usando sempre como escape, lamentações, que não nos leva a lugar nenhum – Tudo o que acontece na vida do homem, tem o seu porquÊ! Esta vida, é como um roda moinho. Se lutarmos contra essa força – iremos logo nos cançar. Assim, seremos tragado e levado para o lado obscuro do mundo. Aonde, mergulhamos num poço sem fundo> levado por nossa falta de fé em DEUS e na sua Lei. 

Estamos cegos, perante a consciência de acreditarmos, mais no mundo, do que, no poder – que existe em nosso interior.  Principalmente, quando nos deixamos levar por nossa mente, mal dirigida. Sendo ela, o pior de todos os inimigos – quando não temos sobre “ela”, o controle das ações.  Enquanto o homem viver em funsão do desejo,  apego, cobiça, vingança, inveja, ódio e ILUSÃO –  estará sempre caminhando em círculo, as cegas, como um barco sem remo, no alto mar. Indo parar ou atracar, sabe DEUS, aonde.  E, mesmo dentro das religiões, que toldam a caminhada do homem em direção a luz da verdade – mesmo sendo “elas” um caminho direcionada pra luz – nos fazem prisioneiros de seus dogmas e suas leis>… ficamos presos dentro de um círculo. Em verdade, A religião não salva, apenas indica o caminho, até, certo ponto, onde temos que seguir sozinho> porque, é através de nós mesmos, que descobriremos o caminho secreto, que nos levará até, o SENHOR do céu. E, por este caminho, as trevas não sabem caminhar, e, nem tão pouco – sabem a onde fica.  Por isso, da necessidade de vencermos a MENTE. Enquanto, a MENTE – não for dominda> ficaremos prisioneiro do sistema do mundo.  Assim, o apego> nos condiciona a ação do Karma. Enquanto, não conhecermos a VERDADE, interior, ficaremos a mercê da MENTIRA do MUNDO – perdidos e sem rumo> acreditando ser esta hora, a nossa verdadeira VIDA.

E, isto, não é bom, pra ninguém!?

O homem, através das religiões – de acordo com suas necessidades materiais e espirituais, tentam achar um caminho, que os leve até DEUS. 

Diz o Senhor: “Aqueles, cujas inteligências foi roubada pelos desejos materiais, rendem-se a semideuses e prestam adoração através de determinadas regras e regulações, que se coadunam com suas “próprias naturezas”  Eu estou no coração de todos como a Superalma, logo que alguém deseja adorar algum semideus, Eu fortifico sua fé, para que ele possa se devotar a essa deidade específica.  Homens de pouca inteligência, adoram os semideuses e seus frutos, são limitados e temporários”   (Bagavad Gita)

E-mail do autor (luzbartho@hotmail.com)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s