////TRAGÉDIAS ANUNCIADAS////

              Mais uma vez as cenas se repetem. Mas,  os governantes, ainda não aprenderam com as tragédias passadas.

images2

Não existe extrutura nesse país, nem responsabilidade, por parte dos governantes, que “todo verão”, vêem as mesmíssimas tragédias, anunciadas – e,  não fazem nada.  Tragédias em cima de tragédias> mas, esses políticos, continuam no erro – não deram, e, continuam – não dando, o apoio esperado aos desabrigados, que; – se moram em (áreas de risco) é porque, eles não tem onde morar.

Vejam o exemplo do JAPÃO> que, após a Tsumani – praticamente, uma cidade foi destruída. Mas, logo em seguida ao caos – onde, até barcos, a grande onda – lançou sobre a cidade> mas, em três semanas, as ruas ficaram limpas e num período de uns seis mêses – a cidade, novamente, estava de pé, reconstruída!  Porque, o Brasil, não aprende a ser grande, e responsável, como o JAPÃO – Veja Petrópolis, Teresópolis, Friburgo e adjacências – até, hoje – se não me engano… já fazem uns três anos, da primeira tormenta, porque, aquilo, não foi simplesmente um temporal – mais de mil mortos. Verbas, foram enviadas, mas, ao invés de ajudar o povo, foi – direto para o bolso do prefeito. E, nada aconteceu. Virou PIZZA. As cidades não foram limpas, nem recontruídas. Em verdade, o que se vê, é uma completa desordem, incompetência política, governamental – que, permite, a vereadores, vice-prefeitos, prefeitos e governadores – usarem as verbas – ao modo deles – Isto, é o retrato de um país – sem comando – aonde, tudo termina no nada.  Quem paga todos os prejuízos é o povo!   Em verdade> jamais o Brasil terá uma consciência japoneza, porque, essa não é a nossa política, nem a nossa cultura. Pois, os governantes japoneses, ajudam o seu povo, através da responsabilidade e mostrando , ao povo, o exemplo – enquanto nós, não nos damos o respeito> falimos em ajudar o próximo, onde, a (nossa cultura é levar vantagem em tudo!)  Assim, é a realidade brasileira.

Nossa presidenta, Dilma> deveria, trabalhar melhor, impondo,  com mãos de ferro, a observância das verbas, que são enviadas, para as prefeituas – porque, estes políticos, são como crianças, que, só querem comprar, criar superfaturamentos e obter vantagens. Temos que vigiá-los, dia e noite – porque, são desobedientes com a Lei – enganam, são hipócritas e demagogos. Por isso, o país, não sai do lugar. Por onde, o povo se vira – vemos, a olhos nús, a (ingerência pública) Aonde, o Brasil vai parar, se não aparecer um herói de verdade, para enfrentar o descaso político> na sociedade brasileira! 

Ao invés, de gastarmos o nosso (VOTO) com esses maus políticos, melhor seria, lançar, jogar o voto no lixo> se fosse, como antigamente.  Porque, vivemos debaixo de um pais, corrupto, com algumas (exceções) que, nada pode fazer, porque, qualquer projeto para ser aceito – tem que dar alguma coisa. Isto, é a cara do BRASIL> esses políticos, são falsos, cínicos e sem caráter. Desde que ouve a primeira chuva nas cidades serranas, Friburgo – foi uma delas, cuja verba, não foi entregue – devido a desvios – aonde, até hoje, vemos a cidade em estado precário.

Em verdade, o governo deveria dar uma maior assistência, aqueles que perdem tudo nas exurradas – (uma moradia mais segura) um sistema seguro, onde, o povo possa sentir-se protegido> quando, acontecerem estas grandes catástrofes.  As cidades serranas sagram, levadas pela corrupção política. Até, onde, este povo suportará tanto sofrimento – (enquanto, estes políticos, dormem tranquilamente em suas mansões, com suas famílias protegidas e aquecidas, porque, os desabrigados, morrem de frio em completo abandono nas noites frias – destas cidades serranas.

Não existe prevenção> isso, quer dizer que as tragédias climáticas – continuarão acontecendo e as vítimas, sendo enganadas, os pobres, os miseráveis, nas mãos destes falsos políticos. Porque, um verdadeiro homem, um verdadeiro político – não usaria de seu “poder”, para se aproveitar, do sofrimento e da dor do ser humano.  Assim, caminha o RIO, porque, na verdade, não há uma boa vontade política – eles, não possuem consciência, trabalham apenas, (maquiando) enganando – por isso, não fazem nada! Economizam na verba – para destribuírem entre si!  Esta é a política do Brasil!

Esse, é o país da Copa – que, na verdade, não tem pernas, nem estrutura para sustentar o gigantismo de uma Copa do Mundo! Os aeroportos, sem condições nenhuma, onibus precários, trens, nem se fala, metrô , mais ou menos.  E, o povo, vivendo na miséria de uma pobre – Educação, Saúde, cujo – hospitais, estão abandonados, sem médicos e sem direção.  Mas, o (olho grande) – fêz o Brasil desejar sediar a (COPA do MUNDO) – sem consistência, política – pois, é só vê o que o povo passa, como já foi citado, acima, nas portas dos hospitais. E, quantos morrem – tentando ser atendidos –  nos corredores do SUS – Sistema Único de Saúde, é alí – que mora a  morte!

Assim, é a mentalidade do ocidental – o materialismo é a fonte de suas vidas! Raros, são aqueles que estendem as mãos, aqueles que estão caídos. …E, o Rio, continua como antes – ainda não aprendeu com as experiências passadas. Tragédias anunciadas, chuvas, que chegam destruíndo tudo, levando em suas enxurradas, sonhos, esperânças, vidas, que se foram, e continuam sendo arrastadas, levadas, por falta de comprometimento governamental.

Verbas, recursos, são enviados, a cada desastre, a cada tragégia as prefeituras – mas, o dinheiro é subtraído – indo parar, nos bolsos de políticos de má índole> onde, as cidades continuam no caos, e seus habitantes, ao léo, sem destino. Nada foi feito – porque, não existe responsabilidade de nossos governantes, Isto, é uma constante, e, não será a última. Pois, todas as épocas de chuvas, é sempre a mesma coisa – pessoas ficam desabrigadas, morrem, casas desaparecem debaixo d’água e o povo, continua refém, dessa incompetência política.

…E o povo luta, tentando fazer alguma coisa – com suas últimas forças, últimos suspiros, mas, o governo, “cruza os braços”  vendo, o povo perder a vida, crianças se afogando, mas, aqueles que deveriam nos ajudar, apenas “olham” ninguém faz nada. É uma vergonha! Já é hora, destes políticos, “levantarem a bunda” de suas cadeiras, sairem de seus escritórios, e, fazerem alguma coisa. O povo está morrendo… porque, a chuva, está causando grande estrago e destruição! Nos temporais, os políticos dormem tranquilos em suas camas, enquanto o povo, nas áreas de riscos e lugares críticos, não dormem, passam a madrugada de mãos estendidas, prestando socorro a seus irmãos, porque, eles sofrem na carne a inoperância de um governo, capenga – por, isso, vêem o sofrimento de um povo – mas,  continuam sem fazer nada – olhando para seus umbigos!

(O mundo é força e poder, onde, o capitalismo, é a alma – em que o ser humano se rende – e, na maioria das vezes, de maneira egoísta> buscando as coisas materiais sempre pra si – ao seu favor, sem olhar pra trás – onde, os pobres, estão carentes de amor e justiça. Por isso, é que, alguém, do governo> deveria se manifestar, se levantar, dar uma volta por cima – disso tudo! Porque, o mundo luta pela sobrevivência do corpo – pois, o pensamento humano, mesmo entre as crenças religiosas, é este, o que impera, infelizmente – é o dinheiro – assim, gira o ser humano, como se a verdade da vida humana, fosse, o jogo do poder capitalista> Assim, vive a humanidade. E, o Brasil – está dentro dessa forma de pensar. Os políticos, sem consciência da realidade do SER, mas, conscientes do poder do TER – buscando na política, o poder, para se dar bem, tornarem-se, ricos, mas, sem pensarem no povo, apenas, criando suas frases de efeitos, demagógicas, para enganarem, aqueles, que vão dar a eles, a oportunidade, de realizar os seus sonhos> que é ser um político importante. O Rio, como os demais estados, estão, à deriva, sem rumo e sem governante> O Rio, a cada verão chora de dor. Quem irá ter a coragem para sair verdadeiramente em socorro do povo brasileiro. Porque, o Governo não se mexe, e, não comanda, como deveria comandar. Se um General, não souber ordenar os seus soldados, haverá muitas discordância, entre as tropas e ninguém respeitará as ordens superiores – e cada um seguirá, segundo suas idéias. Assim, também é na política ou em qualquer setor de comando.  A bagunça cresce, porque, não existe o respeito, por aquele, que está no comando da tropa.  Então – vamos ter a coragem para exigir um novo formato das leis, que ultrapassadas pelo tempo – permitem, que o criminoso, desrespeite a lei, continuando a praticar todo o tipo de maldade – porque, sabe que a nossa lei, é lenta, frágil, cheia de brechas nas entrelinhas.  E, os políticos, não querem mexer nela – porque, teme, lá na frente, a lei ser usada contra eles próprios. ESSA É A VERDADE!  Nossa Lei, já está vencida pelo tempo> mas, ninguém quer mudá-la, esse time, que está sendo útil, aos corrúptos do país.  A prova é esses acontecimentos dos terríveis temporais, que destrói e mata e ninguém se mexe, ninguém faz nada. Até quando, o BRASIL, viverá nesse ninho de corrupção> Essa, verdade que, deterioriza e quebra um estado funcional e organizado. Pois, é o suborno o primeiro ítem, entre, estes maus políticos. Aonde, os políticos honestos, não poderão, por em prática o bem e os seus projetos, porque, não são aceitos, ficando engavetados – E, o Brasil, vai sendo levado com a barriga.      Ó DEUS, qual será o SER, aquele que poderemos chamar – o político, o cara – que, verdadeiramente libertará o BRASIL, desse vínculo corrupto – que é uma cultura, dessa terra nossa!)   (BARTHO)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s